União Bae freia ímpeto da Casa Sony e vence primeira partida das Quartas de final

87

Equipe parintinense precisa vencer próxima partida para levar a disputa para os pênaltis

 

Niash dos Anjos | CNA7
[email protected]

O pontapé inicial para o mata-mata da Copa Alvorada de Futsal 2019 foi dado no ginásio Elias Assayag em Parintins nesta quinta-feira, 14. No jogo de ida das quartas de final, o time da Princesinha do Ramos, Idemar/União Barreirinha, venceu o rerepresentante local, Casa Sony, pelo placar de 2×1.

A partida foi marcada pelo jogo duro e chances criadas por ambas as equipes. Nos minutos iniciais o atleta Idelvan Júnior aproveitou o vacilo dos sonystas e inaugurou o placar. Em busca do empate, o time de Parintins foi em busca do gol, mas não conseguiu balançar as redes.

Na segunda etapa, União Barreirinha estufou as redes novamente. Diego Monteiro aproveitou a falha dos marcadores e não titubeou, 2 x 0 para os visitantes.

Precisando de um empate ou vitória, os parintinenses foram para o ataque com força máxima. O técnico Beto Pupunha utilizou a estratégia do goleiro linha. A modificação deu certo, após realizar sua sexta falta no segundo tempo, o time de Barreirinha deu a chance dos parintinenses diminuírem o placar. Marcos cobrou o tiro livre direto e enfiou uma bomba, que não deu chances ao goleiro de BAE. A cobrança foi o último lance de jogo, já que a partida estava nos segundos finais.

Após a partida o atleta Idelvan Júnior disse que esperava uma partida acirrada devido o nível da competição, “jogar em casa é positivo, a torcida a favor da gente é outra coisa. Sabemos que a Copa é bem difícil, então o jogo foi bem apertado e já era esperado”, contou o atleta de Barrerinha.

O atleta Marcos, autor do gol de honra dos sonystas, lamentou as falhas da equipe. “Jogamos de igual pra igual. Eles marcaram os dois gols em vacilos nossos, mas temos capacidade de vencer (próxima partida) classificar”, disse o titular do time local.

A partida de volta está marcada para o dia 21 de março na cidade de Parintins. A equipe do União Bae entregou sua ficha de inscrição a coordenação da competição, informando que sua cidade sede era Parintins, dias depois anunciou parceria com Barrerinha, mas não havia como alterar, por isso manda seus jogos na ilha Tupinambarana. Na partida de volta um empate garante União Barreirinha nas semifinais, já Casa Sony necessita vencer por qualquer placar para levar a disputa para os pênaltis.

No ginásio Elias Assayag, a noite ainda contou com duas partidas pelo naipe feminino. As atuais tricampeãs da competição, As Santistas, venceram o time Bahamas City por 4×1. O Atlético Futsal venceu o Vitória Parintins com o mesmo resultado. Ambas as equipes agora necessitam de apenas um empate para garantirem classificação para as semifinais.

Foto: Niash dos Anjos