Sistema de Segurança inicia transferência de detentos que estavam em Marabá

31

Da Redação | CNA7
[email protected]

O Governo do Estado do Pará, por meio do Sistema de Segurança Pública, retomou nesta sexta-feira (2), a transferência de 26 detentos que saíram do Centro de Recuperação Regional de Altamira na última terça-feira (30). Os presos partem de Marabá logo após a conclusão das audiências de custódia e a homologação das prisões preventivas dos envolvidos no inquérito que apura as mortes de quatro presos no caminhão-cela. A Polícia Civil indiciou 22 detentos pelos crimes de associação criminosa e homicídio qualificado.

O traslado dos detentos para Belém está sendo feito em aeronaves do Grupamento Aéreo de Segurança Pública (Graesp). Eles usam algemas de três pontos e são escoltados por agentes penitenciários e policiais militares. Toda a operação de transferência envolve cerca de 50 profissionais da Segurança Pública.

A primeira aeronave saiu de Marabá às 12h31 e chegou a Belém por volta de 14h, com os seguintes presos: Marlon Ribeiro Gomes, Jackson Silva Lemos, Ozeias Oliveira Souza e Elimar Salustiano de Sousa. O segundo avião saiu às 13h e chegou a Belém às 14h40, trazendo os seguintes detentos: Bueno Victor da Silva Gomes, Marcelo Teixeira Pereira, Willian Pereira da Silva, Antônio Carlos de Souza e Lucas Oliveira de Almeida. 

O terceiro traslado iniciou às 17h18, quando o avião decolou de Marabá com os detentos Jefferson dos Santos Costa, Romary dos Santos, Higo Blando Beiga Vieira e Sued Farias Guimarães Júnior. A segunda aeronave saiu às 17h55, com os presos Joerbert dos Santos Guimarães, Reiris Silva de Souza, Willkiner Thiago Alves Dias, Marcos dos Santos da Silva e Sidicley Queiroz da Silva. A previsão é que os 26 presos sejam transferidos ainda hoje.