Sesi Parintins desenvolve projeto para astronautas da NASA

166

O projeto tem como ideia base a lagartixa e suas patas aderentes

 

 

Eldiney Alcântara | CNA7
[email protected]

Com o objetivo de proporcionar melhores condições para a prática de atividades físicas a astronautas da NASA, alunos da Escola Sesi Padre Francisco Lupinno de Parintins apresentam projeto no Festival Sesi de Robótica. O evento acontece no Rio de Janeiro nos dias 15, 16 e 17 de março.

O festival reúne cerca de 1.100 alunos (de 9 a 16 anos) das escolas SESI de todo o Brasil. O Amazonas tem representatividade por meio da equipe parintinense composta por quatro alunos e dois profissionais do educandário, destaque na etapa regional. Coordenados pela gestora Socorro Carvalho, o grupo de Parintins viajou na última quarta-feira, 13, e agora representa o estado na fase nacional.

O projeto

Este ano a proposta do Festival Sesi de Robótica é encontrar soluções que melhorem a vida dos astronautas em uma viagem de um ano. Segundo o professor e técnico da equipe parintinense, Helysandro Tavares, alunos e professores detectaram uma problemática vivida pelos astronautas como o atrofiamento dos músculos e desgastes dos ossos, devido a falta de atividades físicas. “Lá na base espacial eles fazem duas horas de musculação por dia, porém todos presos a máquinas devido a falta de gravidade. Então, tivemos a ideia de fazer protótipos de botas e luvas que fariam que eles ficassem presos ao chão”, conta.

O projeto tem como ideia base a lagartixa e suas patas aderentes. “Pesquisamos os Nanotubos de Carbonos, que são dez vezes mais aderentes que as patas da lagartixa”, explica Helysandro. A proposta será apresentada pelos alunos e concorre ao prêmio nacional. Os vencedores podem participar da etapa internacional com sedes nos Estados Unidos, Líbano, Uruguai, Austrália e Turquia.