Record TV, com a cara do Amazonas, anuncia Clayton Pascarelli no comando do Balanço Geral aos sábados

134

A partir deste sábado, 31, a Record TV passa a exibir um novo telejornal sob o comando do jornalista amazonense Clayton Pascarelli. O Balanço Geral Especial entra na grade dos sábados sempre das 12h às 14h, com noticiário mais leve que o exibido de segunda à sexta. Essa é mais uma aposta da emissora, que pretende ampliar a programação local para ficar cada vez mais próxima do telespectador amazonense.

Vale lembrar que a Record completou este mês apenas dois meses no ar, com resultados já satisfatórios em diversos horários da grade de programação. Os trabalhos começaram no dia 17 de junho, após o contrato de afiliação com a TV A Crítica não ter sido renovado.

Atualmente a Record está sintonizada no canal 36.1 da TV aberta ou no 23/523 da Net e pode ser acompanhada em Manaus e municípios da Região Metropolitana. Com quatro transmissores de sinal espalhados pela capital e com o dobro de qualidade do equipamento é possível levar cada vez mais qualidade aos telespectadores. Todos os dias a população pode participar dos programas sugerindo reportagens pelo Whatsapp (92) 98440-3636.

Profissionais amazonenses 

Desde que chegou ao Amazonas a Record está movimentando o mercado do jornalismo Amazonense. Apesar de ser uma emissora paulista, a Record focou seus esforços em contratar amazonenses do mercado local, movimentando os profissionais das principais emissoras de TV e, indiretamente, fazendo surgir oportunidades para trabalhadores que estavam fora do mercado de trabalho.

A equipe de repórteres da Record TV conta com os jornalistas Fred Rocha, José Augusto Souza, Márcio Azevedo, Paloma Mendonça e Samira Benoliel.

Além disso, a Record colocou na linha de frente dois apresentadores muito conhecidos do público amazonense: Clayton Pascarelli e Fabíola Gadelha, que já fizeram e continuam conduzindo uma grande história com o público local.

Agora também aos sábados

Clayton Pascarelli, amazonense que assume a apresentação do Balanço Geral Especial, é jornalista e apresentador, com passagens pela Globo, Rede TV!, TV A Crítica e Record TV. Aos 32 anos, consolidou uma carreira no jornalismo local e ficou conhecido pela credibilidade e pela postura firme ao cobrar das autoridades soluções para os problemas da região.

Na TV A Crítica, enquanto afiliada da Record TV, apresentou os programas Cidade Alerta Amazonas, de março de 2017 a junho 2018; e o Alô Amazonas de julho de 2018 a maio de 2019. Comandou ainda as transmissões do Carnaval de Manaus, em 2017 e 2019; e do Festival de Parintins, em 2018.

Foi um dos jornalistas que acompanhou o caso Wallace dando repercussão nacional, por causa de sua cobertura quase sempre apresentando informações exclusivas chegou a produzir material para o Fantástico, em parceria com Eduardo Faustini, recebeu ameaças de morte.

Foi correspondente da Rede Amazônica em Brasília cobrindo os bastidores do poder no congresso nacional. Se tornou um dos jornalistas mais respeitado da região norte. Sua audiência e credibilidade foi evidenciada quando foi demitido da rede Amazônica após criticar a gestão do então governador José Melo. A população amazonense ficou revoltada e se manifestou nas redes sociais conseguindo repercutur algumas das hastags nacionalmente como: #SomostodosClayton, #SomostodosClaytonPascarelli, #Liberdadedeexpressão, #Claytonmerepresenta e #ClaytonPascarelli.

Pascarelli é especializado em Jornalismo Esportivo e Jornalismo Investigativo. Como jornalista investigativo se destacou no caso Walace e na própria apuração de compra de votos na eleição de José Melo para o governo do Estado. No esporte atuou na cobertura da Copa do Mundo de 2014. Ele também foi membro do Conselho Fiscal da Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (ABRAJI).