Prefeitura de Barreirinha protocola ofício junto a Seduc-AM, para resolver problemática da escola Pe. Seixas

209

Da Redação | CNA7
[email protected]

Depois da repercussão negativa, de denúncia que aparelhos de ar-condicionados doados pelo Governo do Estado a coordenação da Seduc local, estariam guardado há mais de um ano, gerando manifesto pelas ruas de Barreirinha, por parte dos alunos da Escola Estadual Padre Seixas, que se recusaram a participar das atividades escolares, na semana passada, alegando não mais suportar o forte calor do verão amazônico, como pedido de “socorro” para instalação dos aparelhos nas salas de aula.

Informado que algumas “pessoas” estão se gloriando para realizar rapidamente a instalação dos aparelhos, o prefeito Glenio Seixas entrou com documento junto a Seduc-AM em Manaus, pedindo a liberação para que Prefeitura execute esse trabalho, afirmando que ” não é simples assim, são mais de 30 aparelhos que precisam ser instalados nas salas de aula, secretaria e na coordenação da escola. Não é chegar aqui e fazer um ‘H’, se for feito assim, não vai prestar e depois dará problemas ainda maiores”.

O prefeito explica que “tomamos providência e já protocolamos um ofício na Seduc de Manaus porque o prédio não é municipal e não é nossa responsabilidade, mas temos essa preocupação de executar esse trabalho, porque na escola precisa ser colocado um transformador de 150kva que custa em torno de R$ 50 ou R$ 60 mil, mas sabemos da dificuldades do governo do Estado, mas esse problema é decorrência de que lá atrás, não fizeram um trabalho de manutenção”.

Glenio reafirma que o poder municipal quer executar um trabalho de qualidade e fica a disposição da coordenação da escola Pe. Seixas sobre a implantação da subtensão elétrica. Como exemplo, o prefeito cita que ” já fizemos instalação de duas subtensão no Touródromo para instalação de ar-condicionados nas salas que após o festival, servirão para atividades sociais por meio de oficinas e no parque de exposição”, reafirma a importância da instalação do transformador.

“A Prefeitura Municipal tem uma preocupação muito grande em resolver esse problema de otimização do espaço público melhorando como um todo, parte elétrica, hidráulica, estrutura e ampliação de escolas.

Eu como prefeito em parceria com o governo do Estado através de convênios estamos ampliando escolas na Terra Preta, Freguesia e na própria sede. Preocupados com alunos, professores e pais, apesar de ser do Estado, temos compromisso com o nosso povo e temos interesse em resolver o problema com um trabalho de qualidade”, conclui o prefeito da Princesinha do Ramos.

Confira os documentos: