Medo, susto e tiros na manhã desta quinta-feira após assalto em Parintins

251

Antes das 7 horas da manhã assaltantes renderam funcionários, levaram dinheiro, celular e uma moto 

 

Da Redação | CNA7
[email protected]

Parintins (AM) – Quatro pessoas com armas de fogo invadiram o mercadinho Santa Clara, no bairro do mesmo nome em Parintins, renderam os funcionários, levaram dinheiro, telefones celulares, agrediram os servidores e ainda efetuaram dois disparos, ninguém se feriu. A polícia está no local e já investiga o caso. Dois dos suspeitos estão usando fardamento da Escola Estadual Dom Gino Masvestio, localizada no bairro Paulo Corrêa.

A ação dos elementos revoltou os parintinenses que começaram a postar sua indignação em redes sociais. Um dos funcionários rendidos pelos assaltantes contou que todos estavam armados. “Fui levado lá pra cima e levei uma coronhada”, disse uma das vítimas ao programa Ciranda da Cidade da Rádio Alvorada de Parintins.

Outra funcionária que ainda demonstrava nervosismo durante conceder entrevista contou que foi a primeira pessoa abordada, pois estava no caixa do estabelecimento comercial. “Foram momentos de muito sofrimento, porque eles chegaram, levaram minha colega pro fundo do comércio, levaram o outro para dentro do banheiro e dois ficaram com nós duas no caixa e levaram meu celular, cordão e ainda disparou um tiro que quase que me acerta. Eu pensei que fosse uma brincadeira, mas mandaram a gente ir pro chão foi quando eu pensei que seria o fim”, relata.

O proprietário do Mercadinho Santa Clara, Antônio Carlos não estava no local durante o assalto. Ele afirmou que levaram entre R$ 1,5 a R$ 2 mil do comércio. “Eu pensei que tinha morrido alguém de tão apavorado no momento que ouvi os gritos”, lembra.