Escolas da zona rural participam de Programa de Inovação Educação Conectada

103

Participam dessa fase as escolas municipais Santa Maria do Mocambo, Walkíra Viana do Caburí, além de Luiz Gonzaga do Rio Tracajá, Minervina Reis do Zé Açú, Fernando Carvalho do Laguinho, Tsukasa Uyetsuka e o Centro de Educacional Infantil Claudir Carvalho, pertencentes ao Projeto de Assentamento da Gleba de Vila Amazônia

 

Da Redação | CNA7
[email protected]

Sete escolas da Rede Municipal de Ensino da zona rural de Parintins, sendo seis de Ensino Fundamental e um Centro Educacional Infantil estão participando do Programa de Inovação Educação Conectada desde dezembro de 2017, quando o município fez adesão ao projeto. A princípio, sete escolas participam dessa fase experimental, mas o programa vai selecionar mais 33 escolas, totalizando 40 educandários com internet de alta velocidade.

Participam dessa fase as escolas municipais Santa Maria do Mocambo, Walkíra Viana do Caburí, além de Luiz Gonzaga do Rio Tracajá, Minervina Reis do Zé Açú, Fernando Carvalho do Laguinho, Tsukasa Uyetsuka e o Centro de Educacional Infantil Claudir Carvalho, pertencentes ao Projeto de Assentamento da Gleba de Vila Amazônia.

O Programa foi criado pelo Ministério da Educação (MEC), em parceria com os Estados e municípios, para implementar e inserir novas tecnologias de inovação nas escolas, ofertando internet de alta velocidade via satélite e conteúdos educacionais digitais para formação de profissionais da educação em todo país.

As ações do programa seguem a estratégia 7.15 do Plano Nacional de Educação (PNE) que determina universalizar o acesso à rede mundial de computadores em banda larga de alta velocidade e triplicar a relação computador/aluno nas escolas da rede de Educação Básica, utilizando as tecnologias da informação e comunicação como ferramentas pedagógicas na aprendizagem dos alunos e na eficiência na gestão e desenvolvimento profissional para gestores e professores.

Em Parintins, as ações do programa são coordenadas pela Secretaria Municipal de educação que já reuniU com os gestores para apresentar as funcionalidades e etapas do programa. De acordo com o secretário de Educação, João Costa, o município e principalmente as escolas vão ganhar um instrumento poderoso por meio da internet para ajudar no processo de ensino e aprendizagem dos alunos. Destacou o empenho do prefeito Bi Garcia que sempre adere programas que vem para melhorar ainda mais a qualidade da educação do município.

“O prefeito Bi Garcia e o vice Tony Medeiros são incansáveis quando se trata da adesão de programas que vêm melhorar a qualidade da educação municipal e principalmente a formação profissional dos professores da rede de ensino”, disse o secretário.