Eleição no Partido dos Trabalhadores será neste domingo em Parintins

131

 

Da Redação| CNA7
[email protected]

Parintins (AM) – Gustavo Passaneli, Maria da Fé e Erlisson Cidade concorrem na eleição do Partido dos Trabalhadores (PT), em Parintins, para a escolha da presidência do Diretório Municipal, neste domingo, 08 de setembro. Mil e quatrocentos filiados aptos a votar no pleito devem comparecer, com documento oficial com foto, na sede do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Parintins, das 8h às 17h.

Pela chapa “Unidade e Luta”, nº 601, Gustavo Passaneli concorre ao cargo de presidente, com o número 501. Única mulher na disputa para presidente municipal, Maria da Fé Pontes, com o número 520, é da chapa “Em Tempos de Guerra: A Esperança é Vermelha”, nº 620. Erlisson Cidade, número 550, é o candidato à presidente da chapa “Democracia e União: Partido é Para Todos”, nº 650.

Gustavo Passaneli agrega apoio da presidente nacional do PT, deputada federal, Gleisi Hoffman, do economista, Marcus Sokal, do advogado de Lula, Luiz Eduardo Greenhalgh, do ex-senador, João Pedro Gonçalves, do deputado federal José Ricardo, além de Antônio Andrade, professora Clotilde Valente, Lázaro Teixeira, Domingos Brasil, Rosa Nunes e Emílio Carlos Soares.

Maria da Fé têm a adesão de importantes nomes do partido como do integrante direção nacional do PT, Valter Pomar, do advogado José Barroncas, dos militantes locais, Raimundo Rocha, Pedrinho da Funai e Deyse Alcântara. Erlisson Cidade recebe apoio direto do deputado estadual, presidente do PT Amazonas, Sinésio Campos, ex-vereador Flávio Farias e o militante Joselito Pimentel.

Eleições Diretas do PT

Há uma década, o PT realiza Processo de Eleições Diretas (PED), com a proposta de ultra democratizar o partido no território nacional. Porém, o método é atualmente questionado por se assemelhar ao mesmo modelo das eleições para Presidente da República, Senadores, Governadores, Deputados Federais, Deputados Estaduais, Prefeitos e Vereadores.

A compreensão é de que a troca o debate entre os filiados por uma votação não só acarretou problemas como o distanciamento da direção com as bases do partido, como também aprofundou diferenças. Com a definição do Diretório Municipal, o PT, detentor da votação mais expressiva para Presidente da República, em Parintins, nas Eleições 2018, começa a preparação para o pleito 2020.

Reprodução: Parintins 24 horas
Foto: www.parintins24hs.com.br