Amazonastur traça estratégias para atrair novos visitantes espanhóis ao estado

90

Conforme dados da Amazonastur, a Espanha é o sexto país emissor de turistas para o Amazonas

 

Da Redação | CNA7
[email protected]

Depois da procura de mais de 50 operadores de trade pelo turismo náutico e de pesca no Amazonas, durante a Feira Internacional de Turismo de Madrid (Fitur), realizada de 23 a 27 de janeiro, a Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur) iniciou o trabalho inédito para alavancar a vinda de novos visitantes espanhóis. Pela primeira vez, a Amazonastur fez parceria com a Casa do Turismo para ter um representante do trade turístico do Amazonas na Fitur. O indicado foi o jornalista Paulo Roberto Pereira, presidente da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo (Abrajet-AM).

Conforme a presidente da Amazonastur, Roselene Medeiros, a empresa formulou um trabalho de promoção em três etapas para abastecer o empresariado de turismo espanhol de informações sobre o destino Amazonas, cujo o objetivo é atrair novos visitantes.

“A promoção se dá em três momentos, sendo que o primeiro é o contato direto com os empresários, que são os operadores interessados. O segundo é a manutenção, mantendo contato diretos, se colocando à disposição, passando informações sobre o que eles se interessaram. E no terceiro momento, a gente vai até a esse operador para fazer a capacitação do destino, porque ele já está preparado para realizar a venda do produto (turismo de pesca e passeio pelos rios no Amazonas)”, comentou a presidente.

De acordo com a diretora de marketing da Amazonastur, Ana Claudia Rêgo, o trabalho de manutenção e capacitação do operador espanhol está sendo realizado pela primeira vez e os resultados serão a longo prazo.

“São as estratégias da Amazonastur, como enviar um ‘follow up’ (um acompanhamento pós-vendas) com os operadores que visitaram o estande; contendo uma lista de prestadores do serviço turístico do Amazonas. E num segundo momento fazendo uma capacitação no mercado europeu. O europeu é criterioso. Ele só vende o produto se tiver segurança que aquele destino vai atender as expectativas do cliente. Nós somos o facilitador entre o operador espanhol e o prestador de serviço turístico do Amazonas. Com o Cadastur (Sistema de Cadastro de pessoas físicas e jurídicas que atuam no setor do turismo), oferecemos um prestador de serviço regulamentado”, declarou a diretora.

Turista espanhol – Conforme dados da Amazonastur, a Espanha é o sexto país emissor de turistas para o Amazonas. Em 2017, mais de 7,8 mil excursionistas passaram pelo estado. Dentre as atividades turísticas preferidas do público espanhol, estão os passeios pelos rios da região e a pesca esportiva.